PGJ recolhe 60 quilos de lixo eletrônico durante campanha

 

 

 

 

 

A participação do Ministério Público do Rio Grande do Norte na  6ª Campanha do Lixo Eletrônico em Natal resultou no recolhimento de 62 kg de eletroeletrônicos pós-consumo. A ação aconteceu no período de 6 a 10 de junho durante a semana do meio ambiente. O produto foi recolhido na Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) e classificado como resíduo classe 1.
O material foi entregue à empresa Natal Reciclagem Ltda. que dará o tratamento adequado (iniciado na logística de coleta) até a destinação final – seguindo os parâmetros da legislação ambiental. A ação no MPRN contou com o apoio do Centro de Apoio às Promotorias do Meio Ambiente (CAOP-MA).
Na campanha 2016, além do MPRN, a empresa montou ainda oito ecopontos de coleta do lixo eletrônico abertos ao público em geral (Sebrae, Miranda Computação, Natal Shopping Center, OAB, Cemure, TRT, UNI e CCAB Sul) nas regiões leste, oeste e sul da capital, além do ecoponto fixo de empresa localizado na Cidade da Esperança. Outros quatro ecopontos serviram para coletas internas para os integrantes das instituições, caso da Cosern, Fiern e Base Naval de Natal.
Entre o material coletado nesses ecopontos estão: placas de circuitos, teclados, cabos elétricos, conectores, impressoras, CPUs, mouse, celulares, modem, rádio, gravador, dvd, vídeo cassete, scanner, câmera fotográfica, ventilador, microfone, carregadores de energia e etc. Cerca de 97% desses resíduos vão retornar ao ciclo produtivo, através do processo de reciclagem e serão transformados em matéria prima para a fabricação de um novo produto.

 

Fonte: http://www.mprn.mp.br/portal/inicio/noticias/7491-pgj-recolhe-60-quilos-de-lixo-eletronico-durante-campanha 

mp2

FALE CONOSCO!

Não estamos online agora. Mas, você poderá enviar suas dúvidas, que em breve responderemos.

Questões, dúvidas? Em que podemos ajudar?

Pressione ENTER para Conversar